Matéria

nelson mattos filho

Mercado de luxo cresce a cada ano

Investidores apostam neste novo espaço de consumo

Qualidade, exclusividade, glamour. Alheio à crise financeira mundial, o mercado de luxo desponta com um dos maiores crescimentos econômicos faturando, nos últimos três anos, mais de R$ 45 bilhões no Brasil. Em Pernambuco, esse setor vem se consolidando cada vez mais graças à chegada de novas grifes internacionais no estado. Como foi o caso da Mini, empresa do grupo BMW e a Harley Davidson, que chegaram no final de 2012 e fomentam  o já tradicional segmento de veículos. 

Outro fator que atraiu a atenção para investidores do mercado, foi a abertura da última etapa do Shopping Recife e do Shopping Rio Mar, onde várias lojas internacionais de alta costura e acessórios passaram a focar o estado como alvo de vendas. A britânica Burberry foi uma dessas apostas, assim também como a famosa grife italiana, Dolce & Gabbana.

Diante de uma resposta positiva do público alvo consumidor, o mercado ampliou e buscou novas alternativas para atender empresários da área. Feiras como a Recife Boat Show, realizada no mês de setembro do último ano, contou com a presença de mais de 40 expositores de produtos náuticos de luxo, que até pouco tempo atrás pouco se ouvia falar e atualmente é um dos segmentos que mais crescem em Pernambuco. 

Sejam elas de alta costura, jóias, automóveis ou até mesmo iates, as novas empresas vislumbram o consumidor de alto padrão financeiro pernambucano como um dos públicos mais atrativos para expansão de investimentos, devido ao crescimento econômico do estado e o sistema de crédito que possibilita o parcelamento das compras.

Geração de emprego

O mercado de luxo também promete agregar uma mão de obra especializada. Não é novidade que os consumidores estão cada vez mais exigentes. Como é público diferenciado, necessita de atenção especial e demanda um grau maior de qualificação que vai além da busca por viagens, cosméticos, novos restaurantes, spas, roupas e acessórios. Visual merchandising, personal stylist, gerente de espaço, piloto de helicóptero, marinheiro, personal chef e vendedor vip. Estas são algumas das profissões ligadas ao mercado do luxo brasileiro que já estão entrando em ascensão. São funções que exigem um alto investimento e estão diretamente ligadas à qualidade do serviço final oferecido por essas empresas do segmento, que necessitam de uma mão de obra diferenciada e afinada com as necessidades de seus clientes. ICON-01

Iago Freitas