Matéria

IMG_3698

Uma nova forma de interligar a comunicação do Nordeste

O empresário Bruno Moura traz ao Recife a primeira empresa de comunicação integrada que interliga todo o Nordeste.

Até então o conceito de comunicação integrada era unir os diversos ramos da área, desde a assessoria de imprensa, à publicidade e comunicação interna de uma empresa, a fim de concentrar tudo em um só lugar. Porém para o empresário Bruno Moura a ideia ainda parecia pequena e não atendia a uma nova e real oportunidade do mercado.

Segundo o empresário, as grandes empresas do país tem uma dificuldade em desenvolver ações e eventos mantendo um mesmo nível de qualidade, eficácia e linguagem de comunicação em várias cidades ao mesmo tempo. “Foi a partir daí que resolvi romper a estrutura fixa e consolidada que tinha na minha empresa anterior, no Recife, e para criar a Comunnik, com toda minha bagagem e experiência na área de comunicação, para oferecer tanto a empresas locais como de qualquer outra parte do país e do mundo, uma estrutura sólida, concentrada em uma só instituição, que tem extensão no Nordeste todo”, explica.

A ideia é atender uma nova demanda surgida a partir do crescimento de Pernambuco, juntamente com a ascensão do Nordeste.  “Antes, na minha primeira empresa, a Innovo Comunicação, prestávamos serviços de assessoria de imprensa para vários eventos locais e importados para o Estado. O que eu mais percebia é que as empresas de todo Brasil, principalmente as do Sul e Sudeste, encontravam muitos problemas para disseminar seus eventos e negócios”, conta Bruno.

Bruno explica que já fechou parcerias e montou escritórios nas capitais e em alguns interiores de todo território, com o objetivo de manter uma equipe forte e conectada, que tivesse expertise em cada região e que pudesse dar respostas rápidas. “Eu sei que o cliente precisa confiar em uma empresa ou pessoa para representar bem seu negócio. Ele precisa poupar tempo e ter uma concordância muito grande entre os veículos e prestadores de serviços. Então, na Comunnik ele não precisa participar de várias reuniões, com os melhores de cada região, nem dialogar com várias empresas diferentes, localizadas em diferentes regiões. Nós fazemos isso para ele.”

Toda estrutura montada visa atender, em primeiro momento, a demanda trazida pela Copa do Mundo em 2014, movimentando a economia e interligando Estados dos quatro cantos do país. “Quero recolocar o mercado de comunicação no Nordeste de uma maneira agregadora, impulsionando as interações entre as assessorias e os clientes não apenas no âmbito local, mas fazendo com que essa junção projete o que acontece em toda a região”, explica Bruno.

Depois de assinar a assessoria de dois DVDs da cantora Caludia Leitte e da banda Asa de Águia, cuidar de duas datas do DJ David Guetta, assessorar a Ambev, Governo do Estado de Pernambuco e o Brazilian Day, o empresário já providencia renovação de alguns contratos e se adianta em novos. Alguns acordos já foram firmados com grandes produtoras como a BG Produções e Caldeirão, enquanto outros ainda estão em andamento, como com uma cervejaria.

“O Nordeste ainda está distante na forma de se comunicar com o restante do país, por mais que tenhamos, shows, festas e afins tão grandes quanto as outras regiões. Falta divulgação e espaço, e é justamente isso que queremos conquistar”, explica. Segundo o empresário, a proposta da empresa é solucionar, integrar, interagir, agregar e trazer novos ares ao que pode estar engessado no mercado. A meta é evoluir, é levar a comunicação no Nordeste para fora e criar uma rede de informação que facilite a circulação da mesma. Um lugar onde as empresas conversem entre si. ICON-01

Rebeca Buarque